Windows

Como configurar Arduino no Windows 11

Como configurar Arduino no Windows

Você já tentou várias vezes, mas não sabe como configurar Arduino no Windows? Então fique atento a esse tutorial que preparamos exclusivamente para ensinar você a fazer essa instalação.

A seguir mostraremos todos os passos e o que precisa para configurar o Arduino no seu computador. Lembrando que este tutorial serve apenas para quem possui um Arduino Nano, Uno, Duemilanove, Diecimila, Mega 2560 ou Alevino com o Nanoshield USB. Caso nenhum deste seja o seu, você deve buscar o passo a passo na página do fabricante.

Aprenda como configurar Arduino no Windows – Passo a Passo

Saber como configurar Arduino no Windows para rodar seu primeiro programa não é tão complicado quanto parece. Para isso, basta que siga alguns passos simples, veja:

Passo 1 – Adquira a placa Arduino e um cabo USB

A placa Arduino trata-se de uma placa simples de E/S composta por componentes eletrônicos e um circuito impresso.

Além da placa, você também terá que providenciar um cabo USB desses comuns com conecto A para conector B. Para quem vai instalar placa arduino nano, ou Alevino, será preciso buscar um cabo com conector A para conector Mini-B.

Passo 2 – Baixe o ambiente de desenvolvimento para instalar o Arduino

Com a placa e o cabo USB em mãos, agora você deve programar a placa. Para isso, será preciso que efetue o download do ambiente de desenvolvimento Arduino. Você pode baixar a versão mais recente neste link.

Assim que finalizar o download, descompacte o arquivo e, em seguida, dê um clique duplo para abrir a pasta. Ao fazer isso, você encontrar algumas subpastas e arquivos.

Passo 3 – Conecte a placa Arduino

Todas as placas Arduino citadas no início deste tutorial, com exceção da Diecimila obtêm energia automaticamente pelo cabo USB ou então fonte externa (6-12V).

Para placas Arduino Diecimila será preciso antes configurar a placa para obter energia pelo cabo USB.

Conecte a placa Arduino na fonte de energia usando o cabo USB. Nesse momento uma Luz Led verde irá acender.

Passo 4 – Providencie a instalação dos drives

Se você estiver usando placa Arduino original, então a instalação dos drivers ocorrerá automaticamente. Mas, se este não é o seu caso, então terá que fazer essa instalação manualmente. Para isso, conecte a sua placa no PC e aguarde até que o Windows comece a instalação dos drivers.

É comum que depois de alguns minutos o processo de instalação falhe. Então, nesse caso, você deve ir no Menu Iniciar > Painel de Controle > Sistema e Segurança > Sistema > Gerenciador de Dispositivos.

Em seguida, procure por “Portas (COM e LPT)”. Nesse momento deve haver uma porta aberta intitulada Arduino Uno (COMxx). Clique nesta porta com o botão direito do mouse e, em seguida, no campo “Atualizar Driver”.

Depois que fizer isto, clique no comando “Procurar software de drive no PC”. Por fim, você deve navegar até a pasta “drivers” e selecionar o arquivo “arduino.inf”. Depois desse ponto, o próprio sistema concluirá a instalação.

Lembrando que esse passo a passo vale apenas para placas Arduino Mega 2560 ou Uno.

Instalando drive em outras placas Arduino

Para instalar os drivers em outras placas Arduino, você deve seguir o passo a passo abaixo:

  • Conecte a placa ao PC usando o cabo USB. Nesse momento uma janela com mensagem pedindo para adicionar novo hardware irá aparecer.
  • Selecione a opção “não, não agora” e, em seguida, clique no comando avançar
  • Em seguida, remova a seleção que está no comando “procurar em mídias removíveis” e, então, selecione o comando “inserir este lugar na procura”.
  • Siga até o diretório “drivers” presente dentro da pasta que descompactou e em seguida clique em “avançar”.
  • O Windows mostrará que um USB Serial Converter foi localizado. Nesse momento clique em “finalizar”.

Pronto. Agora você pode verificar quais drivers foram instalados em Menu Iniciar > Painel de Controle > Sistema e Segurança > Sistema > Gerenciador de Dispositivos.

Passo 5 – Execute o app do Arduino

Para executar o app do Arduino, basta dar um clique duplo no aplicativo e, então, veja se o mesmo está no idioma certo. Se não estiver, você pode ajusta-lo em File > Preferences.

Passo 6 – Abra o exemplo “Blink” e Selecione a Placa

Vá em File > Exemplos > 1.Basics > Blink para abrir o programa de exemplo. Depois que fizer isso, selecione a sua placa em Menu Ferramentas > Placa.

Passo 7 – Selecione a porta serial e faça o upload do programa

Uma vez selecionado sua placa, vá em Ferramentas > Porta serial para selecionar o serial correspondente a sua placa Arduino. Portas seriais nativas geralmente usam COM 1 ou então COM 2. Então no seu caso é provável que a portal serial a ser escolhida seja a COM3 ou superior.

Escolhida a porta serial, faça o upload clicando no comando “Carregar”, aguarde alguns segundos e veja se os LEDS TX e RX estão piscando. Então caso a instalação tenha sido feita com sucesso, a mensagem “Carregamento concluído irá aparecer na barra de status.

Viu como configurar Arduino no Windows não é complicado? Ainda ficou com alguma dúvida? Comente abaixo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.